segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Os Pássaros Solitários

,

Do lado de um imenso muro de pedras voava um pássaro, como sempre sozinho, pensando na sua eterna solidão.

Do outro lado do mesmo muro outro pássaro também voava e lamentava o seu interminável isolamento.


Mas do alto de uma nuvem, bem acima de qualquer muro, dois anjos observavam a cena.


Um dos anjos comentou:

- Veja que maravilhoso! Que sincronismo de vôo! Isto é o verdadeiro amor.


O outro anjo questionou:


- Será que eles nunca se encontrarão?


O primeiro anjo respondeu:


- É claro que sim. Olhe, lá adiante, o fim do muro. Todo o muro tem um fim.


E completou:


- Mas se eles se arriscassem a voar mais alto, acima do muro, podiam encontrar-se hoje mesmo.



Autor desconhecido

 .
(saiba aqui mais sobre a paixão e o amor

Sem comentários:

Enviar um comentário